quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

COMO FAZER UM E-BOOK PARA ALCANÇAR SUA AUDIÊNCIA E CONQUISTAR LEITORES.

como-fazer-um-ebook-003

a escrita do conteúdo é uma tarefa difícil, trabalhosa e demorada. Mas ela é apenas o começo.
Portanto, se você ainda precisa de uma ajudinha para escrever seu eBook, leia primeiro o artigo que indiquei acima e só depois continue a leitura.
Só quando você chegar ao ponto de estar satisfeito(a) com o resultado da sua produção de texto podemos dar andamento ao projeto.
Nessa segunda parte eu vou falar sobre outra etapa importante do processo de como fazer um eBook.
Você ainda tem muito pela frente antes de começar a vender seu livro digital. Ou até mesmo de oferecer gratuitamente para a sua audiência.
No entanto, você não precisa ficar preocupado(a) se não tem menor ideia do que será necessário fazer depois de ter finalizado a primeira etapa. Eu vou guiar você através dessa jornada.
Quer saber como fazer um eBook arrasador, que irá deixar seus leitores apaixonados? Então continue lendo este artigo. Nele, você vai aprender mais sobre.
Um bom design faz mais do que tornar seu eBook visualmente agradável: ele encanta.
Basta pensar nos perfumes. Na hora da compra, muitas vezes somos atraídos primeiro pelo design do frasco, para somente depois ver se o aroma nos agrada ou não.
Simplesmente porque a primeira impressão sempre será baseada no visual, seja de uma pessoa, de um lugar ou de um produto.
Portanto, não negligencie essa parte importante se você se preocupa em como fazer um eBook.
No meu primeiro eBook, o Alocação de Ativos , eu optei por terceirizar o design porque apesar de gostar do assunto e entender um pouco da teoria eu não tinha os conhecimentos necessários para criar um visual interessante para o meu livro digital.
Como eu acreditava no potencial do meu produto, resolvi investir na contratação do Márcio Duarte depois de ficar bastante impressionado com alguns dos trabalhos dele.
E apesar do preço acima da média dos outros profissionais que procurei, acreditei que este investimento valeria muito a pena.
E como valeu!
Depois de meses trabalhando juntos até chegar no resultado que eu considerava perfeito, lancei o eBook com sucesso e recuperei tudo que havia investido logo no primeiro dia de vendas.
Mérito não só do conteúdo, mas também do design.
Mais do que uma simples embalagem, um bom design torna a vida das pessoas mais simples.
O valor do seu material estará em ter informações valiosas concentradas em um único local organizadas de forma fácil e com um visual agradável, facilitando inclusive a leitura.
Muitas pessoas me consideraram louco por apostar tudo que eu tinha no design do meu eBook.
No entanto, essa foi a melhor decisão que eu poderia tomar!
Mas não significa que você precise fazer o mesmo. Existe sim a opção de usar templates prontos, como os disponíveis no Canva.
Ou quem sabe, se você possuir conhecimentos em softwares como InDesign da Adobe pode conseguir um resultado ainda mais profissional. Esse é o programa que nosso designer, o Saulo, usa para fazer todos os eBooks publicados no Viver de Blog.
Não interessa se você irá contratar um designer ou se irá fazer tudo por conta própria, você ainda precisa conhecer alguns princípios de um bom design para pelo menos saber como fazer um eBook.
Começando pela própria produção do texto.

A escolha do editor de textos ideal

como-fazer-um-ebook-002
A preocupação com design já começa logo na parte da escrita. Quanto mais organizado for seu processo de produção de texto, mais fácil será a diagramação futura.
Tanto o Word quanto o Pages (MAC) são os editores mais utilizados para a edição de texto.
Eu pessoalmente acho que tantos menus de navegação e tantas ferramentas acabam por tirar o foco da atividade principal, que é a escrita.
Nem o Pages e nem o Word são os editores de texto mais apropriados, já que pode haver uma certa perda de formatação quando você copia e cola seu texto feito Pages ou no Word e cola em outra plataforma, como o InDesign ou o WordPress (no caso de artigos.
De repente alguns espaços adicionais aparecem, o tamanho da fonte pode sofrer alterações e o layout que você havia pensado inicialmente muda, sendo necessário fazer os ajustes novamente.
Sem falar na quantidade de opções e ícones que não serão necessários, mas que poluem sua tela.
Ulysses (MAC), editor de texto em formato Markdown, é o melhor programa disponível, na minha opinião, especialmente por ser “Distraction Free” ou seja “Livre de Distração”.
Se você quer saber um pouco mais sobre escrita Markdown, assista esse vídeo aqui:
Não deixe de fazer sua inscrição no nosso canal do YouTube para ser avisado toda vez que sair um vídeo novo.
No início a escrita Markdown parece um pouquinho complicada, pela quantidade de códigos.
Porém, é uma linguagem muito simples, mas que pode assustar um pouco quando você os códigos e as cores diferentes, sem uma formatação a qual estamos acostumados.
Mas com a escrita Markdown eu consigo facilmente ver como o texto está organizado, ir diretamente para cada um dos capítulos e ver o número de caracteres.
Por falar em número de caracteres, dependendo do layout que você escolher, haverá um limite de caracteres em cada página, por isso essa contagem é tão importante.
Além disso, o Ulysses possibilita várias opções de exportação, inclusive para PDF e ePub, que são os formatos mais adequados quando falamos em como fazer um eBook.
Para quem não possui MAC e quer utilizar Markdown para a escrita, indico o Stackedit, que funciona online ou o Markdown Pad 2, que pode ser baixado para seu computador.
Outra opção é o Google Docs, que apesar de não oferecer a opção de escrita Markdown é perfeito caso você queira fazer um eBook em parceria com uma ou mais pessoas.
Com o texto finalizado, chega a hora de partir para a diagramação, parte fundamental do processo de como fazer um eBook.

Como fazer um eBook com um layout memorável


Além da função estética, o design do seu eBook tem como função facilitar a leitura.  Manter a mesma coerência na diagramação traz a sensação de organização e até de hierarquia de conteúdo.
Um layout coerente padroniza tipos e tamanhos de fonte por todo o material.
Por exemplo, todos os títulos H1 usam o mesmo tipo e o mesmo tamanho de fonte, o espaçamento de linha se mantém o mesmo por todo o eBook e até os espaços em branco obedecem padrões que se repetem ao longo de todo o material.
Atualmente publicamos nossos eBooks em tamanho A4 (297x210mm) na posição de paisagem.
Não existe uma regra rígida aqui, apenas optamos pelo tamanho A4 para facilitar a impressão do material, caso o leitor deseje, e na posição horizontal para melhorar a leitura em tabletssmartphones.
Não esqueça de considerar margens de segurança para seu eBook para não correr o risco do conteúdo ser cortado em caso de impressão. Um tamanho entre 1 e 1,5 cm já previne acidentes.
Também não tenha medo de deixar bastante espaços em branco em sua folha.
A leitura fica mais agradável, já que ninguém gosta de ler um texto que mais parece um amontoado de letras.
Para conquistar, divida o texto em colunas, use bullet points e um espaçamento mais largo entre linhas.
Manter o contraste entre a cor da fonte e a cor de fundo também é muito importante para facilitar a leitura.
Mesmo que usar um azul brilhante de fundo com uma letra amarela pareça visualmente interessante para você, a leitura será bastante prejudicada. Procure priorizar a funcionalidade à estética.
Se está em dúvida sobre como fazer um eBook usando as cores mais adequadas, recomendo a leitura deste infográfico sobre Psicologia das Cores.
Ao contrário de livros tradicionais, imagens são muito bem bem-vindas em eBooks, principalmente por proporcionar um descanso para os olhos.
Se você precisa de imagens para fazer um livro digital, vá a alguns destes sites:
E muito importante, não esqueça de de usar o rodapé da folha do seu eBook para numerar as páginas e colocar o link para seu site.
Se você não é um designer profissional, prefira garantir um visual limpo e simples, porém funcional ao invés de tentar algo sofisticado sem ter o conhecimento necessário para tal.
O mesmo vale para a capa, a parte mais complicada. Se você puder investir em apenas um item, sua escolha lógica é a capa do seu eBook.
Mesmo para quem não tem muito dinheiro para investir, a possibilidade de contratar um profissional em sites como o 99 designers pode ser considerada.
Design pronto é hora de colocar seu eBook no ar. Mas antes você precisa construir uma Landing Page para ele.

COMO FAZER UM EBOOK: SEM UMA LANDING PAGE NÃO DÁ

como-fazer-um-ebook-004
Landing Pages são páginas com um único objetivo, sendo o mais comum deles, a captura de leads para uma lista de e-mail.
Elas fazem parte de toda estratégia de marketing bem sucedida e podem aumentar em até 47% as vendas de uma empresa.
São páginas com design clean e apenas com elementos essenciais para levar o usuário a tomar uma ação e a matar todas as objeções que possam existir em relação ao seu produto.
Existem dois tipos principais de Landing Pages:
  • Landing Pages para geração de leads.
  • Landing Pages para obter cliques.

Landing Pages para geração de leads

como-fazer-um-ebook-005
Construir uma lista de emails faz parte de uma estratégia de marketing digital realmente eficiente.
A função desse tipo de Landing Page é coletar dados de seus potenciais clientes, principalmente seu endereço de email para conseguir estreitar a conexão com seu público através de uma linha de comunicação mais direta.
Porém, apenas pedir pelo endereço de email reduz suas chances de consegui-lo.
No entanto, se você oferece um incentivo, um bônus, seu leitor torna-se muito mais propenso a dar seu email em troca de algo.
Por isso que aprender como fazer um eBook como isca digital é tão importante.
Se você produziu seu eBook com intenção de gerar leads, sua Landing Page precisa ter uma caixa de captura com campos de digitação para email e nome (se essa informação for importante para sua estratégia).
Veja o exemplo da Landing Page que construímos para o livro 87 ferramentas de marketing digital:
como-fazer-um-ebook-print-1

Landing Pages para cliques

como-fazer-um-ebook-018
Landing Pages para cliques têm o objetivo de convencer o visitante a clicar para ir para outra página. 
Normalmente, são utilizadas em funis de e-commerce, para descrever um produto ou oferecer detalhes suficientes para levar um visitante até o ponto em que eles estarão mais perto de tomar uma decisão de compra.
Geralmente, o tráfego vindo através de um anúncio é enviado diretamente para uma homepage ou alguma página de registro, o que acarreta em péssimas conversões.
Páginas de registro não fornecem informações suficientes para que o usuário tome uma decisão bem informada e as homepages fornecem muitas opções para escolha.
É nesse ponto que as Landing Pages para cliques são extremamente eficientes.
A informação extra na Landing Page para clique aquece o cliente, oferecendo-lhe os detalhes que ele precisa saber, sem distrações.
Ao invés de direcioná-los diretamente para a página de vendas do meu eBook, eu utilizo essa landing page para cliques para aquecê-los, transmitindo informações importantes para o usuário antes de destiná-lo para o processo de vendas.
print-como-fazer-um-ebook-2

Design para a Landing Page

como-fazer-um-ebook-007b
O seu eBook precisa de um design bonito e funcional.
Landing Page ou página onde você fará a captura de emails ou o direcionamento para a página de vendas, mais ainda.
O usuário precisa entrar na página e tomar uma ação e suas chances só aumentam quando você investe no design.
Importante ressaltar que o design da Landing Page precisa ter elementos em comum com o visual do eBook.
Portanto, use a mesma paleta de cores, se possível até fontes parecidas e lembre de usar uma cor contrastante e chamativa para o botão com a call to action, seja para fazer o download do material ou para comprar.
Se possível, faça a URL da sua Landing Page usando a ou as mesmas palavras-chave do título do seu eBook.
No nosso livro de 87 ferramentas de marketing digital a URL ficou assim: http://landing.viverdeblog.com/ebook-87-ferramentas-marketing-digital/, possibilitando a identificação imediata entre a página e o produto.
Seja sua Landing Page para a captura de emails ou para cliques, 4 elementos básicos estarão presentes em ambas:
  1. Título: O único propósito do título de sua Landing Page é comunicar qual é a sua principal proposta de valor. Esse título deve descrever exatamente como sua oferta é forte.
  2. Imagem principal:Para você ter uma Landing Page efetiva, você precisará de uma imagem poderosa (ou um vídeo) que mostre o melhor do seu produto ou serviço.
  3. Caixa de Captura de email: Utilize uma caixa que envolva todo o formulário de e-mail e um texto que reforce porque o usuário deve deixar seu e-mail em sua Landing Page.
  4. Chamada para a ação: A chamada para ação é o principal objetivo que você deseja que o usuário cumpra em sua Landing Page.
Se você quiser montar sua própria Landing Page, recomendo alguns dos softwares abaixo:

Você ainda pode adicionar os benefícios que consumidores imaginam que seu eBook irá trazer e elementos de prova social.
Quanto mais você convence as pessoas de que o seu eBook tem valor, melhor.
Portanto, depoimentos de clientes ou pessoas influentes de sua área são muito bem-vindos para complementar sua Landing Page.

Consiga depoimentos de nomes influentes em seu mercado: a importância da prova social

como-fazer-um-ebook-008
Mesmo que o leitor já conheça seu trabalho, ele não sabe ao certo se o seu eBook é bom ou não, até que ele veja outra pessoa opinando sobre o conteúdo em questão.
Mais importante ainda se você está comercializando o eBook.
No entanto, mesmo que você queira apenas captar mais emails para sua lista, vale oferecer uma segurança adicional para a pessoa realmente tomar a ação que você deseja.
Independemente do motivo (medo, curiosidade, hesitação), quanto mais pessoas optam por determinada opção, mais somos influenciados a tomar a mesma atitude.
Esse é o poder gatilho mental da prova social, que está intimamente ligado ao da autoridade.
O que significa que, se você conseguir gravar depoimentos de pessoas famosas ou especialistas falando bem do seu produto, o efeito certamente será otimizado.
Com o seu conteúdo definido, design pronto e Landing Page no ar você já terá avançado bastante, Porém, ainda está longe de acabar.
Chegou a hora de atrair seu público-alvo e mostrar o resultado de todo esse processo de como fazer um eBook.
banner-como-fazer-um-livro-2

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Atraia mais clientes com o Wi-Fi do Facebook


Uma das melhores interações que um cliente pode realizar com a sua página é fazer um check-in no local do seu negócio, e o Wi-Fi do Facebook pode ajudar nisso.
Um check-in gera visibilidade de maneira orgânica para você, além de indicar para o Facebook que o seu local está sendo frequentado.
Alguns clientes já fazem check-in espontaneamente, mas talvez outros precisem de um motivo especial, e é aí que o Wi-Fi do Facebook entra em jogo.

O que é o Wi-Fi do Facebook

Liberar o Wi-Fi para clientes é algo muito comum hoje em dia. Com o Wi-Fi do Facebook, você pode manter a sua rede livre para qualquer pessoa, desde que ela realize um check-in no local.
Assim, seu cliente fica feliz com o Wi-Fi e você ganha uma divulgação gratuita 🙂

Como configurar?

Para configurar o Wi-Fi do Facebook você só precisa de uma página e algum roteador compatível com o da lista abaixo:
  • Produtos sem fio Meraki
  • Produtos sem fio Cisco
  • Roteador WiFi NETGEAR AC1750
  • Roteador D-Link Facebook Wi-Fi AC1750 (DIR-865L)
  • Produtos sem fio Open-Mesh
  • Produtos sem fio Aruba Networks
  • Roteador HotSpot 300 Intelbras
  • Produtos Ruckus Wireless
  • Roteadores ASUS RT-AC68U, RT-N18U, DSL-AC68U e DSL-AC68R
O processo para instalar é muito simples, mas varia para cada roteador. Se o seu está na lista, você já pode habilitar essa função!
Siga os passos para cada roteador abaixo:

Meraki

No manual de instruções do roteador, você pode encontrar o endereço para acesso ao menu de configurações. No menu “Página de Destaque”, selecione “Conectar-se com o Facebook”.

Cisco

Acesse o menu de configurações descrito no manual do aparelho e faça login no painel Connect & Engage do seu roteador. Após essa etapa, encontre o menu e selecione a opção “Facebook Wi-Fi”.

NETGEAR

Para iniciar o processo, acesse o site: www.routerlogin.net. Depois, clique na guia “Avançado” e em seguida em “Wi-Fi do Facebook” e confirme em “Configurar”.

D-Link

No seu navegador, acesse endereço: dlinkrouter.local. Depois você deve clicar na guia “Setup > Guest Zone”. Então, serão abertas na tela algumas opções e você deve marcar as caixas “Enable Guest Zones” e “Enable Facebook Wi-Fi”.

Open-Mesh

Acesse em seu navegador o endereço: www.cloudtrax.com. Então, na seção “SSID #1 Splash Page” você deve clicar na opção “Facebook Wi-Fi”.

Aruba

Se o seu roteador for o Aruba, no menu de configurações do roteador você deve selecionar a opção de se inscrever no “Wi-Fi Facebook” e, em seguida, configurar a duração da sessão e os termos de serviço.

Intelbras

No manual do aparelho, você vai encontrar o número de IP para acessar o menu de configurações do roteador, insira ele em seu navegador para iniciar o assistente de instalação. Em seguida é só você selecionar a opção “Facebook” para o acesso ao Wi-Fi.

Ruckus Wireless

Faça o login no menu de configurações do seu aparelho ZoneDirector. Após esse passo, siga o caminho: clique em Configurar > WLANs > Criar WLAN > para o Tipo do WLAN. Então, selecione “Mídia social” para fazer o Login. Por último, selecione a opção “Facebook”.

ASUS

No seu navegador, digite manualmente o endereço IP padrão do roteador wireless, 192.168.1.1, ou digite http://router.asus.com e faça o seu login. Agora, selecione a opção “Rede de convidado” e na sequência “Wi-Fi do Facebook”. Então, é só habilitar.

Depois de configurado, é só desfrutar das vantagens e aguardar pela chuva de check-ins na sua página!

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

8 documentários do Netflix para inspirar o Empreendedor.

Netflix

Além dos livros e cases de sucesso, assistir a documentários do Netflix também é uma excelente forma de inspiração para o empreendedor uma vez que eles apresentam histórias de motivação e superação que nos ajudam a ter insights fantásticos sobre os negócios e também sobre a vida. Além disso, este instante é onde você pode relaxar um pouco, reunir sua família para um momento de lazer e estar mais próximo daqueles que ama enquanto aprende algumas lições importantes.
Eu particularmente me inspiro e gosto muito deste formato de comunicação, pois de uma forma muito didática e instrutiva, traz informações e conhecimentos que destacam a trajetória de grandes personalidades, mostra como elas superaram seus obstáculos e construíram suas histórias de sucesso e seu legado. Por isso, sempre que assisto a um documentário eu busco trazer ideias, insights e ensinamentos que possam agregar ainda mais valor ao meu trabalho como empresário e empreendedor e aos resultados da minha empresa. Convido você a fazer o mesmo!
Para que você também possa vivenciar esta experiência, eu fiz uma lista com oito documentários incríveis, sobre pessoas fantásticas, que eu encontrei escondidos no Netflix e que, eu tenho certeza, vão inspirar você em todos os sentidos e ajudar a impulsionar seu negócio. Continue lendo, confira e assista!
Steve Jobs – The Billion Dollar Hippy (O hippie de bilhões de dólares)
Este documentário traz outro lado do homem que mudou completamente o mundo da tecnologia e fez da inovação a marca de seu trabalho como empreendedor. Diferente dos filmes, nele os funcionários da Apple, entre eles seus parceiro Steve Wozniak, dão depoimentos sobre o seu fundador, mostra características da personalidade que apenas eles conheceram de perto, bem como os altos e baixos que seu líder enfrentou até conquistar o status de um dos maiores gênios dos tempos atuais.
Senna
Este brilhante documentário disponível no Netflix mostra à carreira e vida do nosso eterno campeão Ayrton Senna, como ele se tornou um ídolo mundial e um dos maiores ícones do esporte brasileiro de todos os tempos. Excelente pedida para ver junto com a família, com os filhos, pois as histórias de Senna, os depoimentos de amigos, familiares e também as entrevistas com o piloto evidenciam ainda mais como o foco, comprometimento e paixão por seu trabalho transforma homens comuns em verdadeiros campeões.
Last Chance (Última Chance)
O esporte com certeza é um dos territórios onde nós, como atletas, empreendedores e seres humanos temos mais chances de aprender sobre ganhar e perder, cair e levantar. Neste brilhante documentário, mostra o dia a dia de times de futebol americano e os desafios e pressões dos jogadores que atuam na liga universitária, a porta de entrada para a carreira profissional.
O Segredo
Este documentário já fez e ainda faz muito sucesso, pois traz as diferentes teorias de cientistas e filósofos sobre como o segredo para alcançar sucesso na vida. Inspirado nas filosofias de grandes pensadores como Albert Einstein e Platão, este documentário mostra como é o mindset de uma pessoa vitoriosa e como esta mentalidade faz com que seja bem-sucedida em todos os sentidos.
Tony Robbins – Eu não sou seu guru
Em meus estudos fora do país, eu pessoalmente, pude conhecer o Tony Robbins, nos Estados Unidos, e testemunhar como seu trabalho é realmente fantástico. Tony consegue envolver uma plateia como ninguém e tem o dom de comunicar com palavras e gestos suas ideias, captar os sentimentos dos seus ouvintes e motivá-los a realmente vencer seus medos, superar suas crenças limitantes e ir além em sua vida pessoal e profissional. Superindico!
Jiro Dreams of Sushi (Sonho do sushi)
Este documentário traz a história de Jiro, um empresário japonês, de 85 anos, dono de um conceituado restaurante, e que tem como missão repassar a condução do seu negócio de sucesso ao filho Yoshikazu, que terá que assumir o controle com o desafio de manter o mesmo bom desempenho da empresa criada por seu pai. Esta história nos ensina muitas lições sobre empresas familiares, à importância de pensar o negócio em longo prazo e de formar sucessores à altura.
Apex – A História do Hipercarro
O documentário do Netflix – Apex mostra como foi o processo de evolução dos supercarros, desacreditados por muitos, especialmente pela parte da indústria automobilística, por serem modelos mais econômicos (gastam menos combustível) terem alta performance (são altamente velozes) e exclusivos (feitos para poucos mortais) o conceito vem quebrando barreiras e ganhando cada vez mais espaço . Para quem é apaixonado por carros potentes é uma excelente pedida, pois além de uma visão diferente de negócios, apresenta modelos espetaculares.
Um ano em Champagne
Já pensou passar um tempo na França, na região onde o Champagne é feito? Pois bem, este documentário acompanha a rotina de produção do produto e também de vinhos, mostra como são feitos e também como empresários, vinicultores e especialistas fazem seu trabalho, desenvolvem suas especialidades e como a região produz duas das bebidas mais sofisticadas do mundo.
Aproveite seu final de semana ou seu tempo livre para assistir a estes fantásticos documentários. Tenha certeza que eles agregarão muito valor aos seus conhecimentos como empreendedor e também insights poderosos sobre como inovar, gerenciar um negócio familiar, ter mais empatia com o cliente e os colaboradores e muito mais.

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Runrun.it o app que vai resolver todos os seus problemas de produtividade no trabalho.



Ano novo, metas novas. Para muitos, 2017 será um ano para correr atrás de resultados agressivos para compensar os números ruins do ao passado. Para cumprir esse objetivo, aumentar a produtividade é essencial. Mas se engana quem acredita que produtividade é apenas fazer mais coisas no mesmo tempo. Na verdade, é entregar o que é importante e de forma organizada. Para avaliar com clareza a produtividade de uma equipe, é preciso controlar o tempo que sua equipe dedica às demandas e suas prioridades. Afinal, entregar tarefas pouco importantes não é nem um pouco produtivo. Por exemplo: você já se encontrou em uma situação em que não tinha a menor ideia do que sua equipe estava fazendo? Você sabe, com certeza, se o cliente que mais paga também é o de maior rentabilidade? Quando se trata de organização, alguma vez você já perdeu tempo valioso porque estava procurando um arquivo?
Todos esses problemas são grandes vilões da produtividade. Três empreendedores sofriam com isso e ainda com o conflito entre áreas, tarefas piratas e paralelas que atrapalhavam a execução de tarefa prioritárias para a empresa, a falta de uma estruturação na comunicação entre as pessoas e, obviamente, a mensuração do desempenho de cada profissional. Tudo isso acabava em muito trabalho e retrabalho e poucos números animadores. Foi aí que um dos sócios, o CTO Franklin Valadares, criou uma ferramenta inhouse chamada Runrun.it. A empresa que tinham naquela época (Aorta) foi vendida para o grupo RBS e Valadares se juntou aos ex-companheiros Antonio Carlos Soares e Patrick Lisbona para comercializá-la.
Runrun.it é um software de gestão do trabalho, que organiza o fluxo e facilita o diálogo com a equipe, dispensando e-mails e reuniões, por exemplo. Além de organizar, é possível que o gestor priorize as tarefas da equipe e controle o tempo investido nelas. O usuário clica no botão de "play" da tarefa e o sistema passa a contar automaticamente o tempo, gerando timesheets automáticos - adeus, planilhas feitas à mão! - e um relatório de custos completo, com os valores orçado x realizado x previsão de gasto.
A ferramenta ainda pode substituir o e-mail, já que possibilita o diálogo entre as equipes dentro do sistema, organizando a comunicação e registrando todas as decisões, comentários, arquivos e ações tomadas em cada tarefa. Algo que pode ser muito útil quando você precisa pesquisar uma informação ou encontrar um documento importante - evitando o trabalho de procurar em milhares de e-mails, pastas, na própria rede da empresa ou até em computadores e celulares de uso pessoal. As informações são deletadas apenas se o usuário apagar a tarefa.
Com tantos dados dos projetos armazenados, o Runrun.it gera automaticamente relatórios de atividade e desempenho da equipe. E ainda oferece um recurso chamado RR-Rating, que distribui pontos e medalhas para os usuários de acordo com seu engajamento com o sistema. Quem trabalha mais usando o Runrun.it, oferecendo dados importantíssimos para a tomada de decisão dos gestores, tem mais reconhecimento.
Runrun.it passou a comercializar o software em 2013, quando recebeu aportes importantes de dois dos maiores fundos de investimento em tecnologia do mundo, a Monashees Capital (brasileira) e da 500Startups, do Vale do Silício. Hoje conta com milhares de clientes nos quatro cantos do mundo. Como oferece um período de teste de 14 dias grátis, sem restrições de funcionalidade e para até 100 usuários, é possível entender seu mecanismo e provar para ver se vale a pena para o seu negócio sem colocar a mão no bolso. Segundo uma pesquisa com os clientes, ela aumenta em 25% a produtividade da equipe.

terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Como agendar no Gmail o envio posterior de e-mail.


Existem várias razões para precisar programar o envio de um e-mail para uma hora ou data determinada, por exemplo, se você estiver redigindo um e-mail à noite e quiser que o e-mail chegue ao seu destinatário no dia seguinte, bem cedinho. O Gmail não tem uma função integrada para fazer isso, mas você pode adiciona-la graças à extensão Right Inbox for Gmail

Como agendar o envio de um e-mail no Gmail

Abra o Google Chrome e entre na página Right Inbox for Gmail (Chrome web Store). Clique emAdicionar ao Chrome > Adicionar extensão. Assim que a extensão for adicionada, faça o login na sua conta de e-mail Gmail e, na janela que aparece, clique em Continue (Continuar) para acabar a instalação. Em seguida, clique em Permitir para autorizar a extensão e o Google, a utilizar as suas informações: 

Assim, você terá tudo pronto para agendar o envio de seus e-mails. Depois disso, basta selecionar a versão Free. Em seguida, clique em Escrever e a janela Nova Mensagem se abrirá: 

Sob o botão Enviar aparecerá o botão Sender later (Enviar mais tarde). Digite o endereço de e-mail do destinatário, o assunto e a mensagem. Clique no botão Sender later e um menu de contexto aparecerá, com várias opções para enviar o e-mail mais tarde, no dia seguinte ou em uma data específica: 

Para este último, selecione ou Reminde me (Lembre-me) na janela que aparece, defina a hora e escolha a data, ou escolha a opção At a specifc time (Para uma hora específica) e preencha os dados na caixa de diálogo que se abre: 

Para terminar, clique em Add reminder (Adicionar lembrete). O envio do seu e-mail foi agendado e você pode encontrá-lo na pasta dos Rascunhos